terça-feira, 15 de setembro de 2009

Instrumentos Tradicionais do Maracatu Nação

Gonguê: Intrumento formado por uam campânula de ferro e um cabo que serve de apoio. Tem o formato aproximado de um sino de ponta a cabeça ou um agogô de uma só boca. As frases ritmicas do gonguê são geralmentes formadas por contratempos e síncopes com grande liberdade de improviso.

Alfaias: Também chamada de bombos. São tambores graves, de grande dimensões, originalmente feito de barris de madeira. Com frases sicopadas e bem marcadas, são responsaveis pelas caracteristicas principais de cada toque ou baque. Muitas vezes dividem-se em grupos pelo seu tamanho ou afinação tendo casda grupo uma fução ritmica diferente.

Caixa de Guerra: Tambor agudo que possiu na pele de resposta uma esteira ou bordão produzido com um som rufado e caracteristico. Possui frases ritmicas com grandes quantidades de notas o que dá a este instrumento a possibilidade de coordenar e harmonizar as alfaias. São as caixas de guerra, juntamente com os taróis, que dão a chamda para a entrada dos outros instrumentos.

Tarol: Mais agudo que a Caixa de Guerra e com som mais rufado. Seguem basicamente a linhas das caixas porém com maior nímero de variações ritmicas e com fraseadas mais livre.


Ganzá: Também chamado de mineiro. Chocalho cilindrico, responsavel pelos registros mais agudos do conjunto. Um dos instrumentos mais versáteis da nossa cultura. Possui inúmeras possibilidades de sutis variações ritmicas.



Rafaella Mesquita


http://www.maracatuluanova.com.br/maracatu/instrumentos.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário